O Filósofo Maldito Saldo dos Comentários ao Livro/Vendedor: Neutro

Michael White
Planeta Editora
Desconhecido
Português
Um
Como novo
Resumo:

As ideias de Bruno ganham vida através da narrativa ágil de White. Com um estilo próprio, o autor traz à vida esse visionário do século XVI, realçando a sua trajectória pessoal e profissional, foca o julgamento de Giordano Bruno por heresia e os últimos anos sob o abuso da Santa Igreja, sofrendo torturas e maus tratos de todos os tipos. Baseada em documentos do Vaticano inacessíveis por muito tempo, White reconstrói a personalidade deste dominicano e acompanha o nascimento das suas principais teorias e o porquê da Igreja as considerar heréticas. Bruno era defensor do infinito cósmico e de uma nova visão do homem. Foi um dos primeiros a romper com a concepção aristotélica de um mundo estático, o que implicou a negação da ideia teológica da Criação. Visonário, não se limitou ao estudo de apenas uma disciplina. A sua mente analítica não aceitava nada como verdade absoluta e desafiava tudo na sua busca por uma nova ordem de pensamento. Construiu um sistema abrangente, conjugando ideias que abarcavam desde a filosofia atomística de Demócrito, rituais do antigo Egipto e de mestres de magia, assim como das tradições gnóstica e cristã. A sede de conhecimento garantiu-lhe a protecção de figuras tão importantes quanto Henrique III, de França, e Elizabeth I, da Inglaterra. Ridicularizou dogmas católicos, e tais postulados, radicalmente novos para a época, mais o panfleto que redigiu contra o papel político da Igreja e do clero levaram-no à morte.M. White conta a história de um dos mais intrigantes e pouco conhecidos filósofos do Renascimento: um padre dominicano, com teorias que influenciaram grandes pensadores da cultura ocidental. As suas ideias abalaram dogmas e transformaram-no no primeiro mártir da ciência, queimado na fogueira pela Santa Inquisição.
Como novo
Lisboa
5,00€
Hugo Fernandes
Para ver os contactos do vendedor deste livro,
inscreva-se agora gratuitamente
ou
entre na Bibliofeira