Contos Proibidos Memórias de um PS Desconhecido de Rui Mateus ISBN: 9789722013161 Edição: 04-1996 Editor: Dom Quixote Idioma: Português Dimensões: 160 x 240 mm Encadernação: Capa mole Páginas: 458 Tipo de Produto: Livro Coleção: Caminhos da Memória Classificação Temática: Livros em Português > Literatura > Memórias e Testemunhos Livro em bom estado, praticamente novo. Capa e páginas limpas, sem anotações Publicado em 1996, o livro de Rui Mateus, um dos fundadores do PS, conta as manobras utilizadas para fazer o financiamento do PS, as relações pouco claras estabelecidas entre o partido e as empresas, a existência de uma teia de tráfico de influências, e faz denúncias concretas, documentadas, que nunca chegaram à Justiça. Este livro também desmistifica a imagem de herói nacional que então era atribuída a Mário Soares. A sua primeira e única edição desapareceu rapidamente do mercado. Trinta mil cópias de uma só vez. Há quem diga que foi comprada ainda antes de ter sido distribuída pelas livrarias. Isto pode ser exagero, mas o facto é que misteriosamente nunca foi feita uma segunda edição, mesmo havendo muita procura. Assim como o livro desapareceu, o paradeiro do seu autor é desconhecido. Há rumores de que emigrou para a Suécia ou para os Estados Unidos. Toda a fugaz cobertura dos media, aquando da publicação do livro, foi em torno do tema da traição e nunca no conteúdo. Rui Mateus chegou a ser entrevistado por Miguel Sousa Tavares na SIC, e a primeira pergunta que este lhe fez foi: Então, como é que se sente na pele de um traidor? Não foi só o livro. O autor emigrou após as revelações que atingiram Mário Soares. O livro “Contos proibidos: Memória de um PS desconhecido”, de Rui Mateus, revela casos de tráfego de influências dentro do PS. 01 de Setembro de 2009 in “ionline.pt” por Enrique Pinto-Coelho Fixe bem esta data: 27 de Janeiro de 1996. Era um sábado e o público português assistiu a um fenómeno sem precedentes: um livro, escrito por um autor nacional, vendeu 30 000 exemplares no lançamento. Depois foi retirado do mercado e nunca mais reapareceu. “Contos proibidos. Memórias de um PS desconhecido” foi a obra “mais atrevida”, segundo Nelson de Matos, a pessoa que o publicou na Dom Quixote. Numa entrevista ao “Expresso”, em 2004, o editor negou ter sofrido pressões ou ameaças, mas denunciou a existência de “comentários negativos” que lhe causaram “bastantes dificuldades pessoais”. “A todos expliquei que o livro existia”, disse na altura. “Tinha revelações importantes e procurava ser sério ao ponto de as provar. Desse ponto de vista, achei que merecia ser discutido na sociedade.” Nelson de Matos é também, provavelmente, uma das poucas pessoas que conhece o paradeiro do autor – a hipótese mais repetida é a Suécia, mas ninguém está em condições de confirmar nada. O escritor, tal como acontecera antes com o bestseller instantâneo, Saldo dos Comentários ao Livro/Vendedor: Neutro

Rui Mateus
D. Quixote
Desconhecido
Português
Um
Como novo
CONTACTO: vboliveira@gmail.com
Pré-pagamento:
Transferência Bancária
Paypal (Acresce 0.35€ + 4% sobre o preço do produto e do custo de envio.
Condições de envio:
Envio em Correio Normal. (1.60€ ) Comprador assume o risco de entrega
Envio em Correio Registado (3.20 ) Vendedor assume o risco de entrega.
Pagamento por Paypal implica sempre o envio por Correio Registado.
Entrego em mão em Coimbra
Forum Coimbra
Retail Parque Mondego

Contos Proibidos
Memórias de um PS Desconhecido
de Rui Mateus
ISBN: 9789722013161
Edição: 04-1996
Editor: Dom Quixote
Idioma: Português
Dimensões: 160 x 240 mm
Encadernação: Capa mole
Páginas: 458
Tipo de Produto: Livro
Coleção: Caminhos da Memória
Classificação Temática: Livros em Português
> Literatura
> Memórias e Testemunhos

Livro em bom estado, praticamente novo. Capa e páginas limpas, sem anotações

Publicado em 1996, o livro de Rui Mateus, um dos fundadores do PS, conta as manobras utilizadas para fazer o financiamento do PS, as relações pouco claras estabelecidas entre o partido e as empresas, a existência de uma teia de tráfico de influências, e faz denúncias concretas, documentadas, que nunca chegaram à Justiça.
Este livro também desmistifica a imagem de herói nacional que então era atribuída a Mário Soares.
A sua primeira e única edição desapareceu rapidamente do mercado. Trinta mil cópias de uma só vez.
Há quem diga que foi comprada ainda antes de ter sido distribuída pelas livrarias. Isto pode ser exagero, mas o facto é que misteriosamente nunca foi feita uma segunda edição, mesmo havendo muita procura.
Assim como o livro desapareceu, o paradeiro do seu autor é desconhecido. Há rumores de que emigrou para a Suécia ou para os Estados Unidos.
Toda a fugaz cobertura dos media, aquando da publicação do livro, foi em torno do tema da traição e nunca no conteúdo. Rui Mateus chegou a ser entrevistado por Miguel Sousa Tavares na SIC, e a primeira pergunta que este lhe fez foi: Então, como é que se sente na pele de um traidor?
Não foi só o livro. O autor emigrou após as revelações que atingiram Mário Soares.
O livro “Contos proibidos: Memória de um PS desconhecido”, de Rui Mateus, revela casos de tráfego de influências dentro do PS.
01 de Setembro de 2009 in “ionline.pt” por Enrique Pinto-Coelho
Fixe bem esta data: 27 de Janeiro de 1996. Era um sábado e o público português assistiu a um fenómeno sem precedentes: um livro, escrito por um autor nacional, vendeu 30 000 exemplares no lançamento. Depois foi retirado do mercado e nunca mais reapareceu.
“Contos proibidos. Memórias de um PS desconhecido” foi a obra “mais atrevida”, segundo Nelson de Matos, a pessoa que o publicou na Dom Quixote. Numa entrevista ao “Expresso”, em 2004, o editor negou ter sofrido pressões ou ameaças, mas denunciou a existência de “comentários negativos” que lhe causaram “bastantes dific
Como novo
Coimbra
35,00€