"A Cidadela Branca" Saldo dos Comentários ao Livro/Vendedor: Neutro

Orhan Pamuk
Presença
972232604X
Português
Um
Como novo
Onírica e inexpugnável, real e metafórica, a cidadela branca convida, incrustada no âmago do ser, a uma demanda interior misteriosa, inquietante, premente - Quem sou eu? Porque sou o que sou? Enfeitiçados por esse apelo sirénico, dois homens, na Istambul do século XVII, irão protagonizar um jogo de espelhos infinito e diabólico, pleno de significações, onde se misturam a lucidez e a loucura, a liberdade e a dependência, a atracção e a repulsa mútuas, numa procura incessante, pelos jardins do espírito, da quididade do ser, da fronteira que separa o eu do outro e que se vai tornando cada vez mais difusa. A sua intimidante semelhança física é já um indício simbólico da fragilidade volátil do conceito e da consciência da nossa própria identidade, da nossa memória, do nosso passado. Um romance assombroso, magnificamente bem escrito, profundamente intrigante, contado com o mesmo fôlego enérgico de Sherazade.

Livro usado e em bom estado.

Os portes dos CTT são da minha responsabilidade.
Como novo
Setúbal
9,00€
João Manuel Santos Alegria
Para ver os contactos do vendedor deste livro,
inscreva-se agora gratuitamente
ou
entre na Bibliofeira