A SOCIEDADE TRADICIONAL ACADÉMICA COIMBRÃ Saldo dos Comentários ao Livro/Vendedor: Neutro

António Rodrigues Lopes
Gráfica de Coimbra
Desconhecido
Português
Um
Como novo
A SOCIEDADE TRADICIONAL ACADÉMICA COIMBRÃ
António Rodrigues Lopes
Gráfica de Coimbra
1ª Edição – 1982
Páginas: 328
Dimensões: 230x160x18 mm.

Exemplar como novo, sem marcas de manuseamento
PREÇO: 14.00€
PORTES DE ENVIO INCLUÍDOS, em Correio Normal/Editorial, válido enquanto esta modalidade for acessível a particulares.
Envio em Correio Registado acresce a taxa em vigor.
-----------------------------------------------------------
PRÉ-PAGAMENTO:
Transferência Bancária
MBWAY
PAYPAL
Entrego em mão em Coimbra

----------------------------------------------------------------------------------------------------------------
O Autor viveu os primeiros vinte e quatro anos da sua existência em Coimbra dos quais a maior parte na Alta medieval conimbricense. Ali se imbuiu do espírito sui generis do Universo Académico designadamente o romantismo boêmio e o singular estilo cultural praticado pelos estudantes.
O estudo que ora se publica esteve em reserva mental desde a sua juventude: era pois inevitável que adquirisse forma depois de ter concluído a sua licenciatura em Ciệncias Antropológicas e Etnológicas.
Pela primeira vez, supomos. a analise antropológica aborda o fenomeno da Sociedade Tradicional Académica coimbrã, ao revelar aspectos inusitados (etnocidio), desfazendo nebulosas interpretações ou equívocos levianamente expressos e pior aceites. deturpando a realidade que teve lugar na Lusa-Atenas.
A pesquisa aborda aspectos sócio-políticos institucionais e metodologias do oficio da Antropologia, nomeadamente os contornos da Comunidade Académica, com o objectivo de fazer compreender o que até aqui se tem negligenciado.
Obra inédita, fruto da tentativa bem conseguida de sacar uma investigação sistemática, foi reforçada pela observação participante do autor.
Precioso ensaio para o publico universitário. e também excelente manual para não especialistas. Trabalho inovador no meio português e também leitura aliciante pela perspectiva diacrónica, ao desenhar o perfil da estrutura institucional do que foi a Sociedade Tradicional, que não se modelou em nenhuma outra.
Tais são os aspectos principais que se retiram deste útil volume. Oxalá sirva de alento ao Autor para novos rasgados voos .
Coimbra. Outubro de 1982
a)António S. R. MINGA
Antigo estudante de Coimbra
Como novo
Coimbra
14,00€