Maravilhas do Conto Policial Saldo dos Comentários ao Livro/Vendedor: Positivo

Edgar Allan Poe, Sir Arthur Conan Doyle, Jacques Futrelle, Agatha Christie, E. C. Bentley, Mignon G. Eberhart, Edgard Wallace, Gilberth K. Chesterton, Maurice Leblanc, Nicholas Carter, Freeman Wills Crofts, Dashiell Hammett e Ellery Queen
Cultrix
Desconhecido
Português
Um
Usado
Métodos de envio:
- Correio normal (Gratuito para Portugal)
- Correio registado (+ €1.60)

Métodos de pagamento:
- Transferência Bancária
- PayPal

Envio é efectuado até 1 dia útil após pagamento recebido.

É aconselhável escolher método Correio registado, por ser mais seguro.
Em caso de extravio só nos responsabilizamos por este método de envio.

Para envios internacionais, favor contactar, afim de saber o valor dos portes.

Caso pretenda factura, favor pedir na mensagem após compra.

Detalhes da Obra

Título:
Maravilhas do Conto Policial

Autores:
Edgar Allan Poe, Sir Arthur Conan Doyle, Jacques Futrelle, Agatha Christie, E. C. Bentley, Mignon G. Eberhart, Edgard Wallace, Gilberth K. Chesterton, Maurice Leblanc, Nicholas Carter, Freeman Wills Crofts, Dashiell Hammett e Ellery Queen

Selecção, organização e introdução:
José Paulo Paes e Sernando Correia da Silva
Detalhes do Artigo

Estado:
Usado / Envelhecido / Capa e lombada com acentuados sinais de manuseamento / Miolo em bom estado - Apresenta manchas de acidez

Capa:
Mole

Editora:
Cultrix

Colecção:
Maravilhas do Conto Universal - 2.ª Série

Edição:
-

Ano de edição:
1958

Páginas:
296

Idioma:
Português (Brasil)

ISBN:
-
Sinopse

-


Usado
Aveiro
4,10€
Filipe Lopes | Livraria Severense
Para ver os contactos do vendedor deste livro,
inscreva-se agora gratuitamente
ou
entre na Bibliofeira

Comentários sobre este vendedor

  • Fabien Gonçalves disse no dia 2016-10-20: Absolutamente impecável! Comentário Positivo
  • Filipe Lopes | Livraria Severense disse no dia 2016-10-20:
    Obrigado, Fabien.
    Fico contente por saber que se encontra satisfeito.
    Até uma próxima oportunidade.
    Com os melhores cumprimentos, Filipe Lopes